janeiro 25, 2007

A Fada Bombom

























De Tshaikowsky

Tshaikowsky, Tshaikowsky,
Já se ouve no bosque
O timido som.
Cetineo sonido
Que faz o vestido
Da Fada Bombom!

Jamais houve ainda
Princesa mais linda.
Irman de Oberon!
Deslumbro-me, vendo-a!
Parece uma amendoa
A Fada Bombom!

As crianças, dormindo.
Dá beijos, sorrindo.
finissimos. com
Sabor de geleias...
Taes são as drageias
Da Fada Bombom!

Gluglú no clepsydro...
Calçado de vidro.
Sai da agua, bufon.
Cucuf, o anão gago.
Gran-Duque no lago
Da Fada Bombom!

Silencio... Surdina...
Poesia divina.
Só tu tens o dom,
O encanto risonho,
O açucar do sonho
Da Fada Bombom!

E os Poetas, dormindo,
Escutam, sorrindo,
O fino flon-flon,
Cetineo sonido
Que faz o vestido
Da Fada Bombom!

in A Fada Bombom; Fontes, Martins – Radium – Santos, 1927

2 comentários:

Dr. Victor Caudas disse...

Que espaço maravilhoso, Dr. Cid Carlos. Forma e conteúdo. Um tesão.
Parabéns!

Petúnia Alva disse...

Dr.Victor Caudas
Quis o destino! pois então, encontro-o aqui de analista de plantão do blog do Sr.Cid Carlos. Cid Carlos? pois não é que eu pensei ter entrado no blog de Cid Pimentel e Marcos? Sei lá. Quis o destino que o senhor me apontasse o equívoco.
Da sempre amiga
Petúnia Alva